Inbound Marketing Educacional - ZOOM Education

Inbound Marketing Educacional

Inbound marketing, conhecido também como “marketing de atração”, é um conjunto de estratégias de marketing digital que tem o objetivo de atrair o interesse de pessoas para uma marca através da entrega de informações relevantes. Essa prática se diferencia do marketing tradicional por não focar na atração de clientes por meio de conteúdo pago em veículos de comunicação.

O termo foi popularizado no mercado após ser mencionado pelo cofundador da HubSpot, Brian Hallingan, em 2006.

Inbound marketing educacional

Inbound Marketing educacional nada mais é do que o inbound marketing aplicado em escolas, faculdades, universidades ou qualquer outra instituição do setor da educação.

Uma boa estrutura consiste na definição de personas e na compreensão do funil de vendas para planejar quais conteúdos seu potencial cliente precisa receber, em quais formatos serão entregues e em quais canais serão divulgados. Isso tudo sempre focando em três pilares:

  • Atração;
  • Conversão;
  • Fidelização.

A persona é a construção de um perfil semi fictício que representa quem seria o consumidor ideal para a sua marca. Ela é feita baseada em dados obtidos em pesquisas, que podem ser realizadas com seus atuais clientes, com informações especializadas adquiridas na internet e até mesmo analisando as métricas fornecidas pelo seu site, blog ou rede social.

Nesse perfil precisa constar um nome, informações pessoais, profissionais, geográficas, entre outras referências que ajudem a identificar que “problema” essa pessoa possa ter e que a sua empresa tem a solução para ofertar.

Não necessariamente é preciso desenvolver um único perfil. Porém, ter muitas personas pode dificultar a produção assertiva de conteúdo, pois ser muito abrangente em quem você quer que sua empresa alcance pode ter como consequência não atingir ninguém. O importante é entender que a escola pode ter mais de um alvo a atrair, que podem ser:

  • Pais;
  • Alunos;

Especialistas da área reforçam constantemente a importância de entender a jornada de compra do seu potencial cliente. Por isso, o funil de vendas é outra ferramenta bastante utilizada e necessária na criação das suas estratégias de inbound marketing educacional.

O Funil de Marketing

O funil possui três etapas não lineares, ou seja, não necessariamente o consumidor irá seguir em uma ordem sequencial essas fases, durante sua jornada, ele pode ir e voltar por cada um desses pontos quantas vezes julgar preciso até que se decida pela contratação do serviço. As etapas são:

TOPO

Nessa fase encontram-se aquelas pessoas que têm uma dor. Esse problema pode ser saber o que é ensino bilíngue, por exemplo. Isso significa que ele ou ela não estão prontos para contratar a sua escola, e talvez nem queiram serviço algum no momento, só estão curiosos mesmo, mas podem conhecer a sua marca se o seu canal disponibilizar um conteúdo que responda a essa dúvida;

MEIO

Aqui é o momento de consideração. Nessa etapa do funil seus conteúdos precisam direcionar a solução do problema para a venda do seu serviço. Disponibilizar informações que, ao mesmo tempo em que resolve essa nova dor, também ajude a converter esse visitante em cliente. No exemplo acima, agora que esse possível cliente já descobriu o que é ensino bilíngue, ele quer saber se vale a pena contratar esse tipo de educação;

FUNDO

No fundo do funil se localizam as pessoas que já têm a intenção de fechar negócio. Nessa etapa os conteúdos devem auxiliar a decisão e converter para cliente. Continuando com o exemplo anterior, depois de descobrir o que é ensino bilíngue, entender por qual modalidade optar para seu filho, esse pai resolve matricular a criança em uma escola que ofereça esse serviço, mas está analisando a sua escola e uma outra.

O conteúdo fundo de funil é o que vai auxiliar a converter essa pessoa. Pode ser um desconto, um depoimento de uma mãe satisfeita com o desenvolvimento do filho ou até mesmo um vídeo mostrando a rotina de um aluno e contando o motivo pelo qual ele gosta de estudar na sua escola. Outro fato que pode ter sido um diferencial para ele optar pela sua marca em vez de outro colégio é ele ter se identificado com os conteúdos anteriores e acreditar que a sua escola é referência nesse ensino.

Outra ferramenta que agrega o planejamento de inbound marketing educacional é a Search Engine Optmization(SEO), ou seja, a otimização para mecanismos de busca. Os mais usados atualmente são o Google e o Youtube. Essa técnica é composta por várias boas práticas que, combinadas com a persona e o funil de vendas, pode levar o seu site, blog ou conteúdo a ter um melhor posicionamento nos resultados de pesquisas realizadas no Google ou vídeos no Youtube.

Por que investir em estratégias de inbound marketing educacional?

A Agência Brasil divulgou, em maio deste ano, um estudo realizado pelo Centro Regional para o Desenvolvimento de Estudos sobre a Sociedade da Informação (Cetic), que mostra que, a cada 4 brasileiros, 3 possuem acesso à internet. Isso equivale a 134 milhões de pessoas.

Isso aponta duas coisas:

  • Tem público e espaço;
  • Se você quer ser encontrado, você precisa estar na internet!

Além desses dados, é importante levar em consideração que a internet mudou o modo como consumimos produtos e serviços. Se antes, com a publicidade tradicional, só era visto quem comprava espaços caros em grandes meios de comunicação, hoje, principalmente com as redes sociais, mesmo havendo a possibilidade de impulsionar o alcance de um conteúdo ou site de forma paga, essa ação é mais econômica e acessível.

Ainda sim, grandes agências de marketing digital reforçam também a força que tem o alcance orgânico (não pago). A sua estratégia de inbound marketing educacional pode ter uso de mídia paga, mídia não paga ou as duas.

Outra mudança que ocorreu é que antes eram as marcas que ditavam as regras de consumo. Hoje são as pessoas que dizem o que querem de um produto ou serviço. Por isso, ter um planejamento eficiente de inbound marketing educacional, com produção personalizada, que se preocupa com as necessidades da persona, é indispensável. Além de atrair novos alunos, esse método também melhora a percepção que as pessoas têm da marca, fortalece o relacionamento com clientes e fideliza.

Quer mais dicas sobre Marketing educacional? Veja o webinar com o nosso diretor de Marketing e Relacionamento, Leonardo Mendonça sobre Marketing em tempos de pandemia

Gostou desse conteúdo? Deixe um comentário abaixo!

Por: Equipe ZOOM education