Como a família pode auxiliar as crianças na hora do aprendizado? - ZOOM Education

Como a família pode auxiliar as crianças na hora do aprendizado?

A motivação ao estudo é muito importante para a aquisição de conhecimento tanto de crianças como de adolescentes. Uma boa formação depende mais do que de uma ótima instituição escolar, e a família tem o importante papel de contribuir para o desenvolvimento dos pequenos, estando envolvida em sua vida escolar desde o início.
Pensando nisso, reunimos dicas valiosas que podem ajudar os responsáveis nessa missão de estimular as crianças ao estudo. Confira:
1. Reserve um local tranquilo para o estudo.
Assim como nós, as crianças precisam de silêncio para se concentrar, ler e raciocinar. Por isso, o espaço de estudo deve ser tranquilo e longe de televisões e outras distrações.
2. Negocie um horário fixo para o estudo.
Estabelecer a “hora do estudo” pode ajudar seu filho a se organizar, evitando que as matérias e os exercícios fiquem acumulados. Assim, ele terá tempo para o estudo e também para as demais atividades, como brincar, assistir à televisão ou navegar na internet. Quando escolherem o horário, certifique-se de que seu filho estará alimentado e descansado, para que tenha um bom rendimento.
3. Inscreva seu filho em atividades extracurriculares.
O estímulo à criatividade e ao desenvolvimento de habilidades socioemocionais é de extrema importância para o bom desempenho dos jovens. Além disso, o mercado de trabalho busca cada vez mais por profissionais criativos e que saibam se portar diante de situações difíceis. Por isso, aulas de robótica, música e esportes podem ser aliadas na hora de potencializar o estudo do seu filho.
4. Rotina de sono.
Dormir o tempo necessário ajuda no reestabelecimento da energia física e mental dos estudantes, estimulando seu desempenho escolar.
5. Ler é muito importante.
Independente do que seu filho goste de ler, incentive-o a praticar o ato da leitura! Por meio dela, ele terá contato com a imaginação, a criatividade e a reflexão, passando a ter visão crítica do mundo e começando a entendê-lo.
6. Frequente bibliotecas.
Além de familiarizarem-se com os livros, eles passam a descobrir pouco a pouco seus assuntos de interesse.
7. Possibilite a independência.
O aluno dever ser o protagonista de seu próprio aprendizado, tendo capacidade de resolver problemas e realizar desafios. Por isso, deixe-o à vontade para errar e pedir ajuda, mas incentive-o a solucioná-lo sozinho.
8. Criança deve ser criança.
O estudo é sem dúvida muito importante para a formação acadêmica dos alunos. Porém, as brincadeiras já fazem parte do universo infantil e, por isso, também são essenciais para a saúde mental e para o aprendizado dos pequenos, que passam a imaginar, criar e aprender com elas.
9. Mostre qual a importância do estudo.
Muitos alunos acreditam que estudar só é necessário para adquirir boas notas e passar de ano. Mostre para a criança o benefício da educação em longo prazo, o quanto o estudo pode facilitar a compreensão do mundo e contribuir para o seu amadurecimento.
10. Juntos, definam pequenas metas.
Diante de uma atividade grande e complexa, a criança pode sentir-se desmotivada e preguiçosa para realizar determinadas tarefas. Por isso, estabelecer pequenas metas, fragmentando a atividade, pode ser uma boa estratégia.
Por exemplo, se seu filho precisa ler um livro de 400 páginas em determinado prazo, mostre que se ele ler uma quantidade X de páginas por dia, terminará dentro do período certo. É mais simples trabalhar com pequenas metas, e ao atingi-las, a criança terá a sensação de dever cumprido, o que a incentivará à próxima etapa, até que termine suas tarefas.
11. Seja presente e esteja disponível para ajudar.
Diante de uma dificuldade que não consegue ultrapassar sozinho, o aluno passa a sentir-se incapaz, e essa situação prejudica sua motivação.
Para evitar este cenário, acompanhe o estudo de seu filho, e mostre-o que você pode ajudá-lo, assim ele se sentirá mais seguro.
Além disso, é importante que ele entenda desde cedo que momentos difíceis são normais, e que o sucesso é resultado de persistência e dedicação. O obstáculo deve ser enxergado como motivo para a dedicação mais intensa aos estudos.
E você, como incentiva seu filho ao estudo? Conte para nós!

Powered by Rock Convert
Por: ZOOM education for life
One Comment